top of page
  • Foto do escritorDra. Mariana Zatta

Blefaroplastia: Repouso e Recuperação.

Na mais recente publicação em nosso site, a Dra. Mariana Zatta, uma autoridade em cirurgia das pálpebras e especialista em blefaroplastia, compartilha insights valiosos sobre a recuperação e o repouso após a cirurgia de blefaroplastia, destacando as diferenças entre o método tradicional e a inovadora blefaroplastia a laser CO2.





Como é a recuperação da blefaroplastia?

A recuperação da cirurgia de blefaroplastia varia de acordo com o método utilizado. De maneira geral, os pacientes podem esperar um período de recuperação que dura de uma a duas semanas, durante o qual podem ocorrer inchaço e hematomas ao redor dos olhos. Recomenda-se repouso e a aplicação de compressas frias para minimizar o inchaço. A blefaroplastia a laser CO2 tende a oferecer uma recuperação mais rápida e com menos desconforto, devido à menor ocorrência de hematomas e inchaço, graças à precisão do laser que minimiza danos aos tecidos adjacentes.



A blefaroplastia não exige um repouso muito prolongado, mas claro, como toda cirurgia, deve-se ter cautela!

Após 3 meses de cirurgia temos esse resultado impressionante!


Posso tomar sol após a cirurgia das pálpebras?

É aconselhável evitar exposição direta ao sol nas primeiras semanas após a blefaroplastia. Os raios UV podem intensificar o inchaço e afetar a cicatrização, além de aumentar o risco de pigmentação na área tratada. Quando for necessário sair ao sol, deve-se usar protetor solar de alto fator e óculos de sol para proteger a pele sensibilizada e a cicatrização.


Como fica a cicatriz após a blefaroplastia?

A qualidade e visibilidade das cicatrizes após uma cirurgia de blefaroplastia dependem significativamente da técnica utilizada e da habilidade do cirurgião. Geralmente, as incisões são feitas ao longo das linhas naturais das pálpebras, tornando as cicatrizes praticamente invisíveis uma vez que tenham cicatrizado completamente. A blefaroplastia a laser CO2 tem uma vantagem adicional nesse aspecto, pois o uso do laser promove uma cicatrização mais rápida e eficaz, resultando em cicatrizes ainda menos perceptíveis.


Qual a diferença entre a blefaroplastia normal e a blefaroplastia a laser CO2?

A principal diferença entre a blefaroplastia tradicional e a blefaroplastia a laser CO2 reside na técnica utilizada para realizar o procedimento. Enquanto a abordagem convencional envolve o uso de bisturis para fazer incisões e remover o excesso de pele e gordura, a técnica a laser emprega a energia do CO2 para realizar cortes precisos, coagular os vasos sanguíneos instantaneamente e minimizar o sangramento. Isso não apenas reduz o risco de hematomas e inchaço, mas também promove uma recuperação mais rápida e confortável para o paciente.

Este texto fornece informações essenciais para pacientes considerando a blefaroplastia, seja ela tradicional ou a laser CO2.

A escolha do método mais adequado deve ser feita em consulta com um especialista, como a Dra. Mariana Zatta, que pode avaliar as necessidades individuais e as condições específicas de cada paciente, garantindo os melhores resultados possíveis.


Caso você esteja em busca de um tratamento estético a melhor opção é sempre procurar um médico que irá avaliar a melhor forma de tratamento.


Agenda agora sua consulta em nossa clínica via whatsapp, clicando aqui! 


Dra. Mariana Zatta é médica especialista em cirurgia das pálpebras, cuidados com a pele, tratamento capilar e procedimentos estéticos avançados.


Atendimento em Vitória e Vila Velha, ES.

20 visualizações0 comentário

Commentaires


bottom of page